U.C. desenvolve jogos em Android

osmaiasbecominganexpert

Uma equipa multidisciplinar de investigadores da Universidade de Coimbra (UC), em colaboração com um programador e um grupo de designers, desenvolveu um conjunto de jogos para dispositivos móveis que pretende tornar a aprendizagem mais aliciante e interativa.

Disponíveis apenas para o sistema operativo Android, os jogos criados pelos investigadores da UC vão ser lançados oficialmente a 7 de maio, durante o 3.º Encontro sobre Jogos e Mobile-Learning, a decorrer na FPCEUC, e disponibilizados a todas as escolas que se mostrem interessadas.

No total foram quatro os jogos desenvolvidos: “1910”; “Tempoly”; “Os Maias. Becoming an expert!” e “Konnecting. O Homem, ser comunicante”.

.MAIS

Anúncios

Ter opinião

Da Fundação Francisco Manuel dos Santos recebemos 4 números da revista “XXI, ter opinião”, cada um contendo temas muito atuais e interessantes, úteis para servirem de material pedagógico em diversas disciplinas.

Na página do sítio da FFMS dedicada à publicação encontramos os temas de cada uma das edições.

 

Os ensaios da FFMS

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Fundação Francisco Manuel dos Santos (FFMS) tem vindo a lançar uns pequenos livros, reunidos na colecção “Ensaios da Fundação”, com a participação editorial da Relógio D’Água.
A colecção, dirigida por António Araújo, obedece aos princípios estatutários da FFMS: «conhecer Portugal, pensar o país e contribuir para a identificação e resolução dos problemas nacionais, assim como promover o debate público.». Trata-se de pequenas publicações de autores com currículo académico e público nos assuntos que desenvolvem e constituem sínteses muito interessantes para o nosso público
A Fundação ofereceu-nos 47 exemplares, a juntar aos dois que já possuíamos, que muito agradecemos.
Criada em 2009 pelos descendentes de Francisco Manuel dos Santos, a FFMS tem como principal objectivo estimular o estudo da realidade portuguesa, com o propósito de assim contribuir para o desenvolvimento da sociedade, o reforço dos direitos dos cidadãos e a melhoria das instituições públicas.
A mesma Fundação lançou a PORDATA, que fornece acesso gratuito à mais completa base de dados estatísticos do país.
  • Justino, David – Difícil é educá-los. (já existente)
  • Vieira, Maria do Carmo – O ensino do português. (já existente)
  • Morgado, Miguel – Autoridade.
  • Rosa, Maria João Valente – Portugal : os números.
  • Brito, Miguel Nogueira de – Propriedade privada : entre o privilégio e a liberdade.
  • Mendes, Fernando Ribeiro – Segurança social : o futuro hipotecado.
  • Bento, Vítor – Economia, moral e política.
  • Marques, Sibila – Descriminação da terceira idade.
  • Sousa, Luís de – Corrupção.
    Cunha, Tiago Pita e – Portugal e o mar : à redescoberta da geografia.
  • Magalhães, Pedro – Sondagens, eleições e opinião pública.
  • Vieira, Maria do Carmo – O ensino do português.
  • Fiolhais, Carlos – A ciência em Portugal.
  • Gomes, Conceição – Os atrasos da justiça.
  • Torres, Eduardo Cintra – A televisão e o serviço público.
  • Moura, Vasco Graça – A identidade cultural europeia.
  • Mónica, Maria Filomena – A morte.
  • Gonçalves, Nuno – Economia paralela.
  • Pereira, João Santos – O futuro da floresta em Portugal.
  • Guinote, Paulo – Educação e liberdade de escolha.
  • Augusto, Carlos Alberto – Sons e silêncios da paisagem sonora portuguesa.
  • Catroga, Fernando – Ensaio respublicano.
  • Matias, Gonçalo Saraiva – Migrações e cidadania.
  • Cordeiro, Mário, – Crianças e famílias num Portugal em mudança.
  • Avilez, Francisco Xavier Miranda de – A agricultura portuguesa : as últimas décadas e perspectivas para o futuro.
  • Fernandes, Jorge – O parlamento português.
  • Machado, Maria do Céu – Adolescentes.
  • Sá, Tiago Moreira de – Política externa portuguesa.
  • Santos, Mário Coutinho dos – O dinheiro.
  • Simões, Manuel Sobrinho – O cancro.
  • Pinto, Raquel Vaz – Os portugueses e o mundo.
  • Marçal, David – Pseudociência.
  • Fernandes, Tiago – A sociedade civil.
  • Belchior, Ana Maria – Confiança nas instituições políticas.
  • Galvão, Pedro – Ética com razões.
  • Fernandes, José Manuel – Liberdade e informação.
  • Santos, Loureiro dos – Forças armadas em Portugal.
  • Rosa, Maria João Valente – O envelhecimento da sociedade portuguesa.
  • Ribeiro, Gabriel Mithá – O ensino da história.
  • Centeno, Mário José Gomes de Freitas – O trabalho : uma visão de mercado.
  • Barros, Pedro Pita – Pela sua saúde.
  • Mota, Francisco Teixeira da – A liberdade de expressão em tribunal.
  • Osswald, Walter – Sobre a morte e o morrer.
  • Aboim, Sofia – A sexualidade dos portugueses.
  • Sarmento, Joaquim Miranda – Parcerias público-privadas.
  • Rosa, Maria João Valente – Portugal e a Europa : os números.
  • Garoupa, Nuno – O governo da justiça.

Aventura Social: temas interessantes

aventura

(clicar na imagem para aceder às publicações em pdf)

O Projecto Aventura Social desenvolve investigações no domínio da promoção da saúde e comportamento social no âmbito do Núcleo de Estudos do Comportamento Social na Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa, em parceria com o Centro da Malária e Doenças Tropicais do Instituto de Higiene e Medicina Tropical.

A nós pareceu-nos um sítio com material muito interessante para temas relacionados com a saúde e comportamento social dos adolescentes e uma fonte de informação para temas sobre sexualidade, hábitos alimentares e outros de que necessitamos para desenvolver a nossa atividade docente.

Uma visão de Portugal e da Europa em números

pordata2015
Enter a caption
Nova edição em livro electrónico da Pordata desta publicação que apresenta dados estatísticos da realidade social portuguesa desde os anos 1960.
 
Contém um resumo de indicadores da sociedade portuguesa contemporânea e  convida à discussão informada sobre quem somos, o que fazemos e como vivemos. 
 

Fundação Gapminder: o mundo da estatística

gapminderA Fundação Gapminder é uma organização privada sem fins lucrativos registada em Estocolmo, Suécia, que procura contribuir para um desenvolvimento sustentável através da produção e divulgação de dados estatísticos e outra informação a nível local e a nível global.

Uma das preocupações desta fundação é contribuir para a literacia estatística, ensinando as pessoas a interpretarem os dados e os instrumentos usados.

O sítio gapminder.org contém imensos recursos que podem ser usados em aulas, uma vez que são de licença livre, embora o material seja quase todo em inglês e algum em sueco. Contudo, alguns dos vídeos podem ser legendados em português.

É o caso do filme “Don’t Panic”:

gapminder2

Este excelente documentário de cerca de 50 minutos pode ser importado e tem uma licença que permite a sua exibição livre desde que seja para fins educativos. Há disponível uma legenda em português, mas que carece de correção.

A Biblioteca já o importou e está a rever a legenda para poder ser utilizado em sala de aula. Os professores interessados poderão passar nas instalações da Biblioteca e copiar o vídeo e as legendas.

Novo portal de educação: educa.RTP

Um ponto de encontro com o conhecimento

O novo portal de educação da RTP junta vídeos, áudios, fotos, textos e infografias produzidos pelo serviço público de rádio e televisão nos últimos anos. Integra também uma área infantil onde os mais pequenos podem encontrar músicas, jogos e vídeos.

Clicar na imagem para hiperligação
Clicar na imagem para hiperligação