Viagem à Índia

murmurio

O Murmúrio do Mundo

Almeida Faria

Ilustração: Bárbara Assis Pacheco

Belíssimo retrato da sua viagem à Índia.

Aguarelas a cores de Bárbara Assis Pacheco.

Autor premiado: Prémio Revelação de Romance da SPE, Prémio Aquilino Ribeiro, Prémio D. Dinis, Prémio Originais de Ficção da APE, entre outros.

Notas críticas no PúblicoHoras extraordinárias, Ler (através do blogue Bibliotecário de Babel)

EXCERTOS
«O viajante ocidental que pela primeira vez visita Goa e Cochim (agora Kochi) enfrentará provavelmente, apesar dos muitos traços do passado europeu, a vertigem do caos à sua volta e dentro de si. Quando começa a familiarizar-se com a estonteante exuberância e com as contradições coexistentes, quando julga começar a entender a complexidade das castas, dos cultos e costumes tão diferentes, quando começa a fixar nomes, imagens, atributos dos deuses, tudo lhe foge de súbito, tudo se torna de novo confuso, como se o véu de Maia voltasse a cobrir a indecifrável irrealidade da Índia real.»

Anúncios

Viagem ao Japão, ao anime e ao manga

japao

O Japão é um Lugar Estranho
Viagem de Um Pai com o Seu Filho ao País da Manga e do Anime

de Peter Carey

Tradução: Carlos Vaz Marques

Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura

OPINIÕES: 1 | 2

Uma opinião pueril mas sincera:

Jerusalém, Ida e Volta de Saul Bellow

jerusalem bellow

A Biblioteca da Escola Secundária da Mealhada acaba de receber uma série de livros que vem completar a oferta de obras recomendadas pelo programa da disciplina de Português do Ensino Secundário para a componente educação literária.

A Biblioteca já tinha parte da coleção indicada naquela lista de obras, mormente no que se refere às recomendadas para o 10.º ano de escolaridade, por via de um investimento feito em anos anteriores, e esta aquisição vem completar a oferta que podemos proporcionar aos nossos alunos.

Da lista publicada no programa do Ministério da Educação ainda nos falta alguns itens uma vez que as edições de algumas obras estão esgotadas no mercado.

Jerusalém, Ida e Volta

de Saul Bellow (Prémio Nobel da Literatura em 1976)

Tradução: Raquel Mouta

  • Plano Nacional de Leitura
  • Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura.
  • Obra editada numa coleção dedicada à literatura de viagem, organizada por Carlos Vaz Marques.
biografia do autor
Críticas 1 e 2

Viagens

Eis dois livros que tratam de viagens, embora em sentidos diferentes. Um é uma viagem no tempo, outro é um manual que nos explica como viajar sem gastar muito dinheiro.

Caderneta de cromos,

de Nuno Markl

O inspirado humorista leva-nos a visitar as memórias dos anos 70 e 80 do século XX. Originalmente é um programa da Rádio Comercial.

podcasts facebook Rádio Comercial blogue

O Mundo é fácil,

de Gonçalo Cadilhe

Gonçalo Cadilhe faz de viajar o seu modo de vida, com uma filosofia diferente daqueles que procuram o conforto das viajens formatadas pelas agências ou pelos gabinetes de turismo. Vai à aventura, viaja em transportes públicos, dorme em hoteis baratos (ou onde calha), passeia por sítios por onde o turista normal receia andar.

Neste livro explica como é possível fazê-lo e dá conselhos aos mais temerosos.

Artigo na “Visão”. Blogue Clube dos livros.

Obras de Ricardo Cabral

Ricardo Carvalho é um ilustrador e autor de Banda Desenhada português. Editou até agora duas obras, Israel Sketchbook eNew Born – 10 dias no Kosovo que adquirimos há pouco tempo para a nossa biblioteca.

Nascido em 1979, o autor publicou até agora 3 obras, as duas adquiridas e uma outra denominada “Everest”.

Os dois livros não são narrativas ficcionadas em banda desenhada, como estamos habituados, mas relatos de viagens feitas a Israel e ao Kosovo. Traduzem as experiências que o próprio autor viveu e exprimem o seu ponto de vista, utilizando algum texto e, sobretudo, muito e boa ilustração. Em termos gráficos, mistura desenho e pintura com alguma fotografia, como se fossem apontamentos visuais da realidade vivida. A sua leitura exigirá muito mais atenção à comunicação visual do que à leitura.