Sobre a Wikipédia

A Wikipédia é uma enciclopédia com características pioneiras e únicas:

  • Só tem acesso via WEB – significa que não está depositada em nenhum suporte físico, dependendo da Internet para acesso e verificação do conteúdo. Necessita de uma forma própria de referenciação bibliográfica e de conservação dos conteúdos (cópia).
  • O seu conteúdo é inserido por autores voluntários e anónimos, logo não controláveis e que, muitas vezes, não são especialistas nos assuntos. Qualquer pessoa registada pode inserir material e, mais ainda, um texto pode ser o resultado de contribuições de várias pessoas que não se conhecem (o que não é necessariamente mau, porque uns corrigem ou completam o que outros fizeram antes). Também já assistimos a brincadeiras e, pior ainda, a outras manipulações com intuitos políticos ou difamatórios, campanhas de pressão por parte de indivíduos ou grupos que aproveitam o meio para propaganda ou outros fins, entre outros casos.
  • Os verbetes podem ter versões em diversas línguas, com conteúdo diferente, e os textos e imagens podem ser alterados a todo o momento. Outra razão para se ter o cuidado de retirar uma cópia dos verbetes consultados.
  • Muitos verbetes não vêm acompanhados de referências e citações bibliográficas tornando difícil ou impossível a verificação dos factos.

Por isso, a sua consulta deve ser feita com muito cuidado e sentido crítico.

Vários testes efectuados à fiabilidade da informação lá contida têm demonstrado que, em geral, a qualidade não é muito baixa e, em alguns casos, é até bastante boa. Além da manipulação deliberada de indivíduos ou grupos, há que contar com o pouco cuidado que alguns autores têm na elaboração dos verbetes, divulgando factos pura e simplesmente falsos, baseados no simples senso comum. Esta grande oscilação da qualidade, dependendo da língua e dos temas, obriga-nos a ter necessidade de aplicar um forte sentido crítico ao que lemos e a não aceitar sem reservas toda e qualquer informação que colhamos da Wikipédia.

Também é importante notar a má qualidade do português utilizado em muitos dos textos. Muitos alunos copiam os textos sem corrigir sequer os erros clamorosos que enxameiam os artigos. Isto revela que muita gente não é prudente na consulta desta informação, aceitando sem reservas o que lá vem.