Alunos pouco informados sobre oferta do ensino superior

No Público de 6 de março foi publicado um artigo sobre algo que nos é familiar na escola: muitos alunos não estão informados sobre a oferta e apoios existentes no ensino superior.


PUBLICO

(acesso ao artigo: clicar na imagem)

Anúncios

Ricardo Araújo Pereira e as bibliotecas

Artigo no jornal do Público:

«Foi desta paixão pelas palavras, perdendo-se em bibliotecas, que nasceu o humorista. Na biblioteca do colégio jesuíta, conheceu José Gomes Ferreira – “Gaveta de NuvensO Mundo dos Outros” – e Mário de Carvalho – “A inaudita guerra da Avenida Gago Coutinho”; depois na biblioteca da universidade, “onde se permitia o acesso às estantes, o que é excelente para o nosso crescimento pessoal e péssimo para as notas”.»

rap

(para ler a notícia completa, clicar na imagem)

Khan Academy traduzida pela Fundação PT

khan-academy-logo

Criado em 2006 pelo americano Salman Khan, o site Khan Academy, foi traduzido para Português Europeu e disponibilizado pela Fundação PT.

Oferece gratuitamente vídeos e exercícios interativos disponíveis a qualquer hora do dia. Basta ter um  equipamento (computador/tablet/smartphone) com acesso à Internet!

Com enfoque na matemática, os conteúdos podem ser usados por qualquer pessoa, quer se trate de um estudante, professor, encarregado de educação ou de um mero curioso.

Veja  aqui o vídeo de apresentação.

Caracterização dos professores portugueses

Saiu no jornal digital “Observador” um artigo escrito por uma especialista em análise de dados sobre a percepção que os professores têm de si e da sua profissão, da que têm os alunos, assim como a dos Encarregados de Educação.

Um extracto:

Muito se especula sobre como os professores estão desgastados e envelhecidos, como têm de lidar com indisciplina e ensinar tudo, desde boas-maneiras aos mais elaborados conceitos académicos. No entanto, temos a tendência para apenas olhar para o pequeno mundo à nossa volta, ignorando a imagem mais alargada de uma classe profissional a que ninguém é indiferente. (…)

Portugal é o país da Europa em que os alunos mais reconhecem os professores como competentes, atentos e dedicados à profissão. (…) A Finlândia, caso de sucesso na educação, parece ter mais problemas no reconhecimento dos professores (…).

Leia tudo em:

profs01