A obra imortal de Cervantes

500_9789722057011_Dom Quixote de la Mancha_SK

Dom Quixote,

por Miguel de Cervantes Saavedra

Introdução: Professora Maria Fernanda de Abreu.

Tradução e notas: Miguel Serras Pereira.

A imortal história do Cavaleiro da Triste Figura que, acompanhado pelo seu fiel escudeiro Sancho Pança, avança por montes e vales, lutando contra moinhos de vento e cavaleiros imaginários em nome da justiça.

Retrato do anti-herói, Dom Quixote, o fidalgo enlouquecido, representa a capacidade de transformação do homem em busca dos seus ideais.

Tratando-se de uma sátira dos romances de cavalaria em voga ao longo dos séculos XVI e XVII, Dom Quixote afirma-se como o clássico fundador do romance moderno. O humor, as digressões e reflexões, a oralidade nas falas e a metalinguagem marcaram o fim da Idade Média na literatura.

Este livro reúne os dois volumes que constituem o Dom Quixote de la Mancha, publicados em 1605 e 1615. Conta ainda com uma

Miguel de Cervantes Saavedra nasceu em 1547, provavelmente em Alcalá de Henares, próximo de Madrid.  Romancista, dramaturgo e poeta celebrizou-se com o livro Dom Quixote de la Mancha, o segundo livro mais lido pela humanidade depois da Bíblia. Morreu a 23 de Abril de 1616.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s