Natal na Mata do Buçaco

(clicar na imagem)

PROGRAMA

De 2011-12-17 a 2012-01-06

De 17 de dezembro a 06 de janeiro
Exposição de presépios no Convento de Sta. Cruz do Buçaco
Decorações de Natal / Iluminação de Natal realizadas pela Escola Profissional Vasconcellos Lebre e EB1 do Luso
Loja “Produtos da Mata” com decoração natalícia e venda de artesanato e produtos alusivos ao Natal

17 de Dezembro
Teatro “Presépio na Mata” pelo Grupo de Monitores da Mata
Horário: 11h30
Local: Antigas Garagens do Palace
Preço de bilhete: Entrada Gratuita
Descrição: Trata-se de uma iniciativa do Grupo de Monitores da Fundação Mata do Buçaco que decidiu atribuir à fauna, à flora e aos amantes do Buçaco, todos os valores associados à quadra natalícia. A não perder!

25 de dezembro
Obra “Gárgula”, de Dan Sapsford nos Jardins do Palace Hotel do Bussaco

25 de dezembro
Concerto com a UC Band
Horário: 21h30
Local: Convento de Santa Cruz
Preço bilhete: 5€ (crianças até 6 anos com entrada livre / dos 6 aos 12 anos – 50% de desconto)

25 e 26 de dezembro
Presépio ao Vivo pela Companhia de Teatro Viv’Arte
Horários: das 11h às 17h
Local: Avenida do Mosteiro

26 de dezembro
Peddy-paper noturno (Atividade organizada pela empresa Aventuris)
Horário: 21h
Local: Convento de Santa Cruz
N.º mínimo de participantes: 15 /N.º máximo de participantes: 100
Data limite para inscrição: 23 de dezembro às 18h
Preço: 8 €
Descrição: Um Peddy-Paper nocturno que se debruça em questões de cariz cultural e ambiental da Mata do Buçaco. O percurso irá incluir mistério, estratégia, trabalho de equipa, luzes na floresta e actividades de jogos tradicionais, tiro com arco e postos de orientação. Uma aventura a não perder em plena noite de inverno!

27 e 28 de dezembro
Dia da solidariedade, com recolha de roupas e brinquedos na Fundação Mata do Buçaco para doação à Comunidade Juvenil São Francisco de Assis e ao Centro de Acolhimento João Paulo II
Local de entrega*: Sede FMB – junto ao Palace Hotel do Bussaco / Das 09h00 às 17h00
*entrada gratuita na Mata para entrega de material

27 e 28 de dezembro
Oficina “Trabalhar o cobre”, por Steve Jones
Horários: 10h -13h
Local: Antigas Garagens do Palace
N.º mínimo de participantes: 1 / N.º máximo de participantes:8
Preço: 20 €
Descrição: A oficina orientada por um jovem artista, que trabalha atualmente entre Inglaterra e Portugal, debruçando-se sobre o cobre. Indicada a todas as idades e, por isso, ideal para estar em família ou entre amigos nesta quadra natalícia. O valor de participação inclui todos os materiais. Mais informações em http://www.stevejonesmetalart.com

29 de dezembro
Caça ao Tesouro (Atividade organizada pela empresa Capitão Dureza)
Horário: 10h30
Ponto de encontro: Convento de Santa Cruz
N.º mínimo de participantes: 10 / N.º máximo de participantes: 50
Nota: crianças com menos de 15 anos terão que ser acompanhadas por um responsável adulto.
Preços: 13 € (adultos) / 8 € (crianças)
Descrição: Os monges Carmelitas Descalços esconderam durante a sua permanência no local um fabuloso tesouro de valor incalculável. Para além de ser uma forma divertida e algo competitiva de conhecer a Mata do Buçaco, esta atividade permitirá momentos bem passados e, em algumas circunstâncias, hilariantes.
A Caça ao tesouro é um exercício de orientação com uma vertente “Fun” associada. Os participantes formam equipas de 4 a 5 elementos que concorrem na descoberta de um tesouro.

3 de janeiro
Missa De Natal com o Beijar do Menino
Horário: 19h
Local: Convento de Sta. Cruz do Buçaco

6 de janeiro de 2012
Concerto à luz das velas, pelo Ensemble Luce d’ Oro
Horário: 21h30Local: Convento de Sta. Cruz do Buçaco
Preço bilhete: 5€ (crianças até 6 anos com entrada livre / dos 6 aos 12 anos – 50% de desconto)

Inscrição nas atividades

  • atividades@fmb.pt
  • 231 937 000
  • 963 007 857

Horários:
Mata Nacional do Buçaco
1 de outubro > 26 de março
08H00 > 18H00

Convento Santa Cruz do Bussaco
Horário de verão
10H00 > 13H00 / 14H00 > 18H00
Horário de inverno
10H00 > 13H00 / 14H00 > 17H00

Preços:
Entradas na Mata
A pé – gratuito
Veículos de 2 rodas com motor – 2€
Veículos ligeiros até 5 lugares – 5€
Veículos ligeiros com mais de 5 lugares – 7€
Veículos pesados de passageiros – 30€
Grupo de 10 a 19 veículos ligeiros – 50€
Grupo 20 a 49 veículos ligeiros – 100€
Grupo de 100 ou mais veículos ligeiros – 500€

Convento Santa Cruz do Bussaco
Até 6 anos: gratuito
Dos 6 aos 12 anos: 1€
Maiores de 12 anos: 2 €

Como chegar:
A1 > Saída Mealhada, direção Luso > EN 234
IP3 > Saída Luso > EN 235
IP3 > Saída Mortágua, direção Luso > EN 234

Coordenadas GPS: 40º 22’34.56”N e 8º 21’56.48”W

Literacia digital

O blogue “sobre literacia digital” tem como objectivo mostrar como resolver problemas na utilização diária da internet, usando exemplos e situações reais e divulgando técnicas, dicas e truques,tendo como meta ajudar a aumentar o nível de literacia digital e de cidadania digital

O blogue aborda pesquisa de informação,recolha de pistas digitais,avaliação de fontes,avaliação de resultados, avaliação de credibilidade, avaliação de qualidade/fiabilidade e avaliação de riscos.

É editado por Ricardo Nuno Silva e funciona desde Abril de 2011.

O ALIQUID NOVI vai manter na barra do lado direito uma hiperligação para o blogue.

CONCURSO DE BANDA DESENHADA* AVENIDA MARGINAL – “Sede de Criar!”

(para mais informações clicar na imagem)

O Concurso Avenida Marginal (segunda edição) é uma iniciativa que fomenta a criatividade e o intercâmbio cultural.

É dirigido a todos os cidadãos portugueses interessados pela arte da Banda Desenhada (HQ) e este ano, também a todos os cidadãos brasileiros e dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP).
Todos os trabalhos redigidos em português serão aceites, mesmo os que ainda não façam uso das novas regras.
O tema desta edição é livre, de forma a estimular a criatividade no ato de contar uma história.
Encoraja-se o recurso ao desenho e/ou outras técnicas de expressão artística analógica ou digital (ex.: fotografia, pintura, etc.).
Os concorrentes são desafiados a contar uma história, um momento, um pensamento, um conceito ou uma tradição, recorrendo a uma única prancha.
Trabalhos selecionados farão parte de uma exposição coletiva que integrará o Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja, organizado pela Bedeteca de Beja e terão ainda exposição virtual no sítio do Concurso Avenida Marginal.

A Guerra dos Tronos

(CLICAR NA IMAGEM)

A Guerra dos Tronos

George R. R. Martin

O primeiro volume de As Crónicas de Gelo e Fogo, a melhor série de fantasia da actualidade.

Quando Eddard Stark, lorde do castelo de Winterfell, recebe a visita do velho amigo, o rei Robert Baratheon, está longe de adivinhar que a sua vida, e a da sua família, está prestes a entrar numa espiral de tragédia, conspiração e morte. Durante a estadia, o rei convida Eddard a mudar-se para a corte e a assumir a prestigiada posição de Mão do Rei. Este aceita, mas apenas porque desconfia que o anterior detentor desse título foi envenenado pela própria rainha: uma cruel manipuladora do clã Lannister. Assim, perto do rei, Eddard tem esperança de o proteger da rainha. Mas ter os Lannister como inimigos é fatal: a ambição dessa família não tem limites e o rei corre um perigo muito maior do que Eddard temia! Sozinho na corte, Eddard também se apercebe que a sua vida nada vale. E até a sua família, longe no norte, pode estar em perigo.

Uma galeria de personagens brilhantes dá vida a esta saga. Entre eles estão o anão Tyrion, a ovelha negra do clã Lannister; John Snow, um bastardo de Eddard Stark que, ao ser rejeitado pela madrasta, decide juntar-se à Patrulha da Noite, uma legião encarregue de guardar uma imensa muralha de gelo a norte, para lá da qual cresce uma assustadora ameaça sobrenatural ao reino. E ainda a princesa Daenerys Targaryen, da dinastia que reinou antes de Robert Baratheon, que pretende ressuscitar os dragões do passado e, com eles, recuperar o trono, custe o que custar.

BLOGUE LER VER OUVIR

A Guerra dos Tronos é a mais importante obra de fantasia desde que Bilbo encontrou o Anel.”
-SF Reviews.net

“George R. R. Martin apresenta um mundo vibrante e real, personagens soberbamente construídas, enredos complexos mas coerentes, descrições de cortar a respiração e uma prosa muito acima daquilo a que o género nos habituou.”
-Amazon.com

“Agarra-nos e nunca mais larga. Brilhante!
-Robert Jordan

“Martin tem a capacidade de nos arrebatar de uma forma que os outros autores de fantasia não conseguem, talvez porque também não tenham a sua capacidade para desenvolver personagens. Seja nas sangrentas cenas de batalhas ou nos retratos íntimos dos laços familiares, A Guerra dos Tronos possui uma força crua e emocional que não nos deixa indiferentes. Martin também dispensa todos os clichés tolkianos, como elfos, espadas mágicas e dark lords, focando-se antes em pessoas reais e apenas sugerindo o sobrenatural. Acredite: A Guerra dos Tronos é a mais importante obra de fantasia desde que Bilbo encontrou o Anel.”
-SF Reviews.net

“A Guerra dos Tronos é a obra-prima da fantasia moderna e reúne o que de melhor o género tem para oferecer: magia, mistério, intriga, romance e aventura.”
-Locus

“A melhor fantasia dos últimos 50 anos.”
-The Denver Post

Dez razões pelas quais ‘A Guerra dos Tronos’ é (muito) melhor do que ‘O Senhor dos Anéis’

Como se fez “A Guerra dos Tronos”

David Benioff e D.B. Weiss, os criadores de “A Guerra dos Tronos”, série que estreou no canal Syfy, falam em discurso direto sobre o desafio que foi adaptar a saga épica de George RR Martin à televisão.

Informática – novidades

SQL – Structured Query Language

12ª Edição Actualizada e Aumentada

por Luís Damas

Esta é uma obra fundamental e de leitura obrigatória pois aborda a temática do acesso a bases de dados através da linguagem SQL – um standard internacional.

As matérias são apresentadas de forma detalhada e pragmática recorrendo a múltiplos exemplos de comandos que são explicados com o detalhe suficiente para se tornarem acessíveis mesmo a leitores sem qualquer experiência de programação.

O Guia Prático do Dreamweaver CS5

Com HTML, CSS e JavaScript

por Pedro Remoaldo

Este livro aborda os vários aspectos essenciais à criação de páginas e sítios Web, utilizando o software Adobe Dreamweaver CS5 e as tecnologias HTML, CSS e JavaScript.

O Dreamweaver é a ferramenta de web design mais utilizada em todo o mundo, e esta nova versão CS5 possui novidades importantes, nomeadamente ao nível do trabalho com as CSS, facilitando, ainda mais, o trabalho dos web designers.

O Dreamweaver CS5 também já aponta caminhos para o futuro com o suporte das tecnologias mais recentes, como o HTML 5 e as CSS 3.

Como Combinar e Escolher Cores para o Design Gráfico

Um bom livro para daltónicos 😉

 

Como Combinar e Escolher Cores para o Design Gráfico

por Nick Clark

 

600 cores, em folhas individuais, que podem oferecer mais de 300.000.000 combinaçoes diferentes.

Este livro foi desenhado para superar os problemas que costumam provocar os métodos tradicionais de escolha de tons para quadricromia. As amostras, devido ao seu grande tamanho, apresentam a cor de forma muito clara e o facto de podê-las virar uma a uma facilita a comparação das cores de forma directa.

Amostras de grande tamanho para cada cor nas que se pode ver o resultado da cor usada como tinta plana, o efeito de textos em positivo e negativo sobre a referida cor e a sua utilização numa imagem.

Diagrama de especificação da percentagem utilizada na obtenção de cada cor.

Um sistema seguro e fiável para a escolha de cores em design gráfico.

PORTUGAL, UM RETRATO AMBIENTAL

PORTUGAL, UM RETRATO AMBIENTAL

Série televisiva sobre a história ambiental portuguesa, contada em 4 episódios:
1.º – País de Contrastes
2.º – Das Catástrofes às Fontes de Energia
3.º – Águas
4.º – Paisagem e Desordenamento do Território

A série “Portugal – um Retrato Ambiental” conta a história dessa evolução. Em 4 episódios, com a ajuda de imagens captadas pela RTP durante mais de 40 anos, atualizadas por imagens de hoje, Luísa Schmidt entrevista os protagonistas e faz o retrato ambiental do país a estragar-se.

Um retrato também de uma consciência ambiental cada vez mais forte. Degradação da paisagem, poluição dos rios, ares irrespiráveis, lixeiras, incêndios, cheias… Mas também um povo cada vez mais empenhado em recuperar a sua herança.

DESIGN por Bernhard E. Bürdek

DESIGN

História, Teoria e Prática do Design de Produtos

por Bernhard E. Bürdek

Obra básica do design de produtos, é indispensável para estudantes, designers profissionais e interessados em geral, nesta versão totalmente revista e atualizada.
Define a história e a orientação atual do design e transmite as bases principais da teoria e da metodologia do design.
Descreve o significado crescente do design nos principais países da Europa, das Américas e da Ásia, por meio de diversos exemplos da prática e do desenvolvimento do design corporativo e estratégico atual, passando pelo design de interface/interação até o design humano.

Património Genético Português

patrimoniagenetico1

Património Genético Português

– A História Humana Preservada nos Genes
de Filipa M. Ribeiro e Luísa Pereira
“Quem somos? De onde viemos?” são perguntas que há séculos intrigam a Humanidade e geraram as ideias e investigação científica reunidas no livro O Património Genético Português – A História Humana Preservada nos Genes.

Este livro de divulgação científica, na melhor aceção da palavra, utiliza os dados que da Genética, da Arqueologia, da Antropologia, da História e da Climatologia, para introduzir o leitor na questão das origens e migrações da população que hoje ocupa o território português ou que tenha aqui a sua origem, analisando o património genético português.

São duas as autoras:

  • Luísa Pereira, bióloga doutorada em genética populacional humana, investigadora no IPATIMUP (Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto) e Professora Afiliada na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto.
  • Filipa M. Ribeiro, jornalista, com duas pós-graduações: uma em jornalismo médico e de saúde e outra em genética e direito, e mestrado em Comunicação e Educação de Ciência.

Depoimento de Manuel Sobrinho Simões, do IPATIMUP :

«Há tempos que não aprendia tanto a ler um livro. Nem me divertia tanto, valha a verdade. A junção de uma especialista em genética populacional com uma jornalista de ciência criou uma obra interessantíssima, acessível, culta, com sentido de humor, que me apetece rebaptizar, à la Woody Allen: ‘Tudo o que gostaria de saber sobre a origem dos portugueses que saíram da África subsariana há muitos milhares de anos.»

VÍDEO da Ciência Viva

ARQUEOCIÊNCIAS

FMUP

Tipografia

Duas boas novidades numa área do conhecimento em que a biblioteca não tinha qualquer oferta relevante: a tipografia

Thinking with Type

A Critical Guide for Designers, Writers, Editors, & Students

por Ellen Lupton

Princeton Architectural Press

Um magnífico livro sobre os princípios básicos da tipografia e sobre design em objetos gráficos, com uma primorosa seleção de ilustrações.

O Que é a Tipografia?

por David Jury

Gustavo Gili

Muitos de nós continuamos a ignorar o papel que a tipografia desempenha na comunicação visual.

Embora tradicionalmente estivesse associada ao design e às indústrias gráficas, a generalização do acesso à tecnologia digital fez com que o termo ‘tipografia’ tenha deixado de se restringir ao labor do tipógrafo e se utilize cada vez mais para designar o trabalho de organização de um material escrito. Agora, qualquer indivíduo pode ser tipógrafo.

Mas, se por um lado as convenções básicas da tipografia se aprendem na escola, não acontece o mesmo com os princípios elementares da linguagem visual. A maioria daqueles que se deparam pela primeira vez com a tarefa de desenhar um poster ou um folheto descobre que nem eles próprios nem o seu computador são capazes de transmitir a mensagem tal e como pretendiam.